[ANSOL-geral] ANSOL , Plano Tecnológico e Portáteis

Nuno J. Silva nunojsilva mail.telepac.pt
Segunda-Feira, 18 de Junho de 2007 - 19:43:00 WEST


On Mon, 18 Jun 2007 18:46:48 +0100
"Humaneasy Consulting" <humaneasy  gmail.com> wrote:

> "Ponto de vista de qualquer especialista na área da contabilidade,
> economia, e afins, será algo do género: Gastar-se-à menos dinheiro
> com o primeiro modelo, e tem-se menos computadores, o que leva a mais
> tempo e a uma consequente melhoria e adaptação do serviço."
> 
> Estás errado.
> O segundo modelo é muito mais económico já que, e mesmo considerando a
> implantação de uma rede pública de wireless (que resolveria mal o
> problema do interior, mas há soluções <http://www.wnetpe.com.br/>)
> mesmo que só subsidiadas parcialmente pelo Estado, os custos a médio
> e longo prazo de uma solução que não implica instalações, upgrades,
> pagamento de conta de electricidade das instalações, manutenção das
> mesmas, pagamento a funcionários e a sua disponibilização, seriam bem
> mais altos.
(Segundo a tua correcção: s/altos/baixos/)

Tens razão. No mail em que escrevi isso, estava a comparar os postos de
acesso público com o e-iniciativas.

É uma boa alternativa a ser colocada em cima da mesa. Deve ser
discutida, com o governo, uma proposta alternativa que se encaixe no
pretendido, um portátil com internet das redes telefónicas móveis, mas
isso não nos impede, obviamente, de apresentar estas alternativas.

A apresentar uma coisa como esta são precisas duas coisas: algo mais do
que apenas a ideia (pode até ser um powerpoint colorido e com gráficos
sem nexo, como eles gostam), alguns contactos, enfim, as coisas do
costume; e uma dose extra de paciência, porque estou mesmo a imaginar a
PT, a Vodafone e a Sonae “ah isto não pode ser assim vão destruir a
estabilidade do mercado” bla bla bla, só porque lhes custa procurar
mercados novos de igual sucesso.

> 
> E aqui poderia aplicar-se a teoria do "tendencialmente pago" já que
> quem já trabalha ou que fosse entrando no mercado de trabalho iria
> pagando uma taxa mais perto dos valores de mercado OU então estamos
> só a criar umas novas SCUT.
> 
> É preciso não esquecer que o projecto é para a info-inclusão e não
> para que se tenha acesso à internet. O objectivo é dar uma ferramenta
> para a pessoas trabalharem e não para mero hobby, um mero "rebuçado"
> caro para elas brincarem durante uns dias.

O nosso problema acaba mesmo por ser o que o Carlos disse, o Primeiro
Ministro fica mais bem visto com rebuçados.

> 
> Por outro lado, eu, como exemplo trabalho numa área e para clientes
> em fusos horários por vezes complicados e que não se compadecem com
> "sítios públicos" abertos. No e-oportunidades poderão ser "criados"
> mais uns como eu.

Neste momento, uma das coisas que convém discutir é o facto de nos
podermos dar ao luxo - ou não - de garantir a cada um o seu cantinho
privado para trabalhar. Penso que faz mais sentido um espírito
comunitário.

Se sempre se ajudam pessoas que prefiram trabalhar fora de horas, em
casa, ajuda.

Mas eu prefiro mesmo deixar isso em aberto. Actualmente não tenho muito
tempo para raciocinar sobre isto.

Ainda assim não faz mal nenhum alargar o horário de expediente dos
postos públicos e abri-los toda a semana.


> 
> Aqui falamos de dois conceitos diferentes nestas propostas: um Estado
> com preocupações sociais e um Estado socialista.
> 
> O que o Governo propõe nestes moldes não é um nem outro.
> 
> Esta discussão entre nós não é totalmente espúria já que a ANSOL ao
> ir falar com o Estado é bom que leve contra-propostas eficazes e que
> não passem só pelo "queremos software livre nisso".
> 
> Esta era uma discussão daquelas que eu esperava vêr mais gente a
> opinar, especialmente os que têm potenciais interesses financeiros
> envolvidos, mas parece que é tema sem interesse.
> 
> Abraço,
> Lopo


-- 
Nuno J. Silva
Lisbon, Portugal
Homepage: <http://njsg.no.sapo.pt/>
Registered Linux User #402207 - http://counter.li.org

Using Claws Mail 2.9.2

Gentoo Base System release 1.12.9
Linux 2.6.17-gentoo-r7 i686 Pentium II (Deschutes)

-=-=-
``If God wanted us to have a President, He would have sent us a
candidate.'' -- Jerry Dreshfield
-------------- próxima parte ----------
Um anexo que não estava em formato texto não está incluído...
Nome : signature.asc
Tipo : application/pgp-signature
Tam  : 189 bytes
Descr: não disponível
Url  : http://listas.ansol.org/pipermail/ansol-geral/attachments/20070618/8c677816/signature-0001.pgp


Mais informações acerca da lista Ansol-geral